FAVAS

por cam

«Que rico dia para semear seja o que for: fava ou recordações! Para a fava começa a ser tarde (…). Mas para recordações é sempre tempo. É só meter a mão no saco e tirar. Quanto mais do fundo, melhor!»

Vitorino Nemésio, O Corsário das Ilhas, Lisboa, IN-CM, 1998: 135.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: